Histórico

O empreendimento nasce em 1961, com a compra da primeira fazenda em Campo Mourão, onde começou plantando arroz. Nos anos 60, a propriedade foi crescendo, mas o salto veio nos anos 70, com o desenvolvimento do cultivo da soja na região. No início de 1978 cria-se a Agropecuária Ipê como empresa agrícola.

A Empresa é uma das pioneiras do plantio direto na região, sempre trabalhou em estreita colaboração com a EMBRAPA e investiu em capacidade de armazenagem e beneficiamento próprios. Em 1984, inicia-se a produção de sementes certificadas de soja, trigo e aveia, criando-se a marca Sementes Mourão.

Nos anos 90, iniciam-se duas novas atividades, a de florestamento, com a compra de uma área já em formação, e a criação de gado puro de origem da raça Limousin. Desde 2005 a empresa também se dedica à produção de novilho precoce, adotando a tecnologia de integração agricultura-pecuária em áreas extensas.

A Agropecuária Ipê participa de um grupo de produtores da região no projeto de carne de qualidade da marca Maria Macia. Mesmo antes de qualquer exigência legal, todos os animais da Agropecuária Ipê são identificados com brincos, para garantir o controle dos manejos sanitários. Isso permitiu a adoção imediata do SISBOV (Serviço de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos) e, em curto espaço de tempo, a obtenção da certificação do ERAS (Estabelecimento Rural aprovado no SISBOV) nas duas fazendas nas quais trabalha com pecuária. Desde dezembro de 2008, as fazendas Klabin e Três Corações também estão incluídas na Lista Traces, autorizadas a exportar para a União Européia.

Toda a produção da empresa é realizada respeitando os mais elevados padrões de conservação do meio ambiente. Além da recuperação da mata ciliar, a reserva legal da Agropecuária Ipê corresponde a 33% de sua área total, superior às exigências legais na região do Paraná.

Nada deste projeto seria possível sem uma equipe de trabalhadores e colaboradores altamente qualificados e envolvidos tanto na produção, como nas áreas meio: manutenção, laboratório de análises de sementes, comercialização, recursos humanos, TI (Tecnologia de Informação) e gestão contábil-financeira. O desenvolvimento desta equipe se dá através do investimento constante em atualização técnica e aprimoramento gerencial. É esta equipe, com a infra-estrutura de maquinário, silos e armazéns, que faz com que a Agropecuária Ipê atinja os mais elevados padrões de produção com sustentabilidade.